Hospital São Francisco de Assis - Tudo por uma Vida
Notícias - Vamos falar sobre o Coronavirus

O Coronavírus humano foi isolado pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como Coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

O novo Coronavírus (COVID-19) é um vírus identificado como a causa de um surto de doença respiratória detectado pela primeira vez em Wuhan, China. Geralmente, infecções por Coronavírus causam doenças respiratórias leves a moderada, semelhantes a um resfriado comum. Devemos ficar alertas em casos de febre, tosse e dificuldade para respirar.

Até o momento, não há informação suficiente que defina qual o período exato de transmissão. De uma forma geral, a transmissão viral ocorre apenas enquanto persistirem os sintomas. É possível à transmissão viral após a resolução dos sintomas, mas a duração do período de transmissibilidade é desconhecido.

O diagnóstico depende da investigação e do exame físico que será realizado pelo médico e equipe multidisciplinar. É recomendável que em todos os casos de síndrome gripal seja questionado o histórico de viagem para o exterior ou contato próximo com pessoas que tenham viajado para o exterior, dando ênfase as regiões que declararam surto.

No mês de fevereiro, tivemos muitas ações tomadas pelo Governo, uma delas foi que o Brasil declarou Emergência de Saúde Pública de Importância Nacional (ESPIN) e o Presidente da República sancionou a LEI Nº 13.979, DE 6 DE FEVEREIRO DE 2020 (Lei da Quarentena).

A toda população recomendamos as boas práticas de combate a doenças virais respiratórias:

  • Higienizar as mãos constantemente;
  • Tossir e espirrar com etiqueta. Use a dobra do braço para cobrir a boca e o nariz;
  • Evitar locais fechados, com aglomerações e/ou públicos.
  • Quando estiver com sintomas gripais, utilizar máscara simples com troca a cada 2h, para reduzir a disseminação do vírus.
  • Consultar um médico para orientações quanto a tratamento e seu diagnóstico.

 

Dr Eduardo Camara Cuccio
                                 Infectologista

 

       
 
COMENTAR
 
Para seu comentário ser considerado, é necessário preencher todos os campos com o "*" obrigatóriamente.
Nome:* 
E-mail:  
Comentário:* 
 
NOTÍCIAS e Artigos